Libertos para Libertar


Texto Bíblico: Atos 9.15-18
Quebra-gelo: Você já foi abençoado pelo testemunho de alguém? Sim ou não?

Introdução: Temos sido desafiados para aprender a viver em Deus, com Deus e para Deus, hoje queremos pensar em como a nossa vida pode ser impactada pela decisão de viver em Deus e o quanto ela pode vir a impactar outros. O texto que lemos retrata a experiência de conversão do apóstolo Paulo e nessa experiência Deus deixa evidente que tudo o que faz, faz com  propósito. No entanto, para que vejamos os propósitos de Deus se cumprindo em nossas vidas e através de nossas vidas, precisamos:

1) – De um genuíno e permanente encontro com o Senhor. – Enquanto Paulo não vivenciou esse encontro não pode experimentar os propósitos de Deus em sua vida. Embora falasse continuamente o “nome” de Deus e acreditasse que tudo o que estava realizando fazia para Deus, a única coisa que Paulo conseguiu produzir e reproduzir foi destruição para si mesmo e para todos os que estavam pertos. Os valores, os sentimentos, a compreensão, as atitudes e o entendimento que Paulo possuía das coisas e até mesmo a sua religiosidade estavam bem distante do que Deus queria. Assim também é conosco, a história de Paulo se confunde com a nossa própria história. No livro de Oséias 4.6 e 6.3, o Senhor nos encoraja sobre a necessidade desse encontro e de se prosseguir nesse encontro. Em Mateus 22.29 Jesus afirma que o nosso erro consiste em não conhecer as Escrituras e nem o poder de Deus. Oséias 4.14 nos esclarecem que o povo sem entendimento corre para a sua própria perdição. Enquanto não somos impactados por esse encontro, encontro com Jesus, os nossos valores, sentimentos e atitudes continuam promovendo destruição em nossas vidas e infelizmente através de nossas vidas. Você já teve o seu encontro com o Senhor? Tem se mantido firme e está crescendo nEle?

2) Em Cristo descobrimos o real valor de nossas vidas (escolhidos com propósito) (v.15). – Antes de Jesus, fazíamos tudo para provar o nosso valor, essa era a realidade de Paulo, em Filipenses 3.3-6 o Senhor nos mostra o sentimento que estava presente no coração de Paulo antes de Cristo e o quanto ele investiu para ter algum valor, depois, tudo mudou (Filipenses 3.8-10). Por amor ao Senhor, pela excelência do conhecimento de Cristo tudo foi considerado por ele, Paulo, coisas de menor valor. Quando estamos em Cristo descobrimos que a melhor e maior honra vem Dele, isso precisa mover o nosso coração para prosseguir, como dizia Paulo em Filipenses 3.12-14 …prossigo para alcançar aquilo para o que fui alcançado, prossigo para o alvo, pelo premio da soberana vocação de Deus em Cristo Jesus. Só em Jesus descobriremos o real valor de nossas vidas. Em Jeremias 29.11 Deus nos revela que tem propósitos de paz e não de mal, para que tenhamos esperança e futuro. Fomos chamados com propósitos, Colossenses 1.27 nos diz: “Cristo em vós a esperança da glória”.

3) O resultado desse encontro precisa ser vivenciado e compartilhado com outros (v.20). – Logo após o seu encontro, Paulo já começa a compartilhar a sua experiência com Jesus e como o Senhor o havia transformado. É interessante que o seu compartilhar começa pelas sinagogas, em outras palavras começa entre os seus conterrâneos ou pelos seus.  Penso eu que o desafio proposto aqui extrapola o falar e nos desafia a testemunhar com a plenitude de nossas vidas. I Timóteo 4.12 -13…torna-te padrão dos fiéis, na palavra, no trato, no amor, no espírito, na fé, na pureza. Persiste em ler, exortar e ensinar…

Conclusão: Viver em Deus, com Deus e para Deus, sempre resultará em benção, não só para nós, mas para todas as pessoas que estão a nossa volta Fomos libertos e somos chamados para libertar, essa tem que ser a nossa visão para caminhar. Vamos orar.