Não os embaraceis!

 

 Quebra-gelo: Você já teve um embaraço para realizar uma tarefa?

Textos: Lucas 18:16

             Hebreus 12:1

 Introdução: A Bíblia nos ensina a não criar embaraços e a deixar todo embaraço que nos impede de correr a carreira que Deus nos propõe, mas o que é um embaraço? Embaraço é tudo o que dificulta o alcance de um objetivo. Na vida cristã o embaraço é tudo o que torna mais difícil cumprir a vontade de Deus.
         O embaraço não é pecado, mas pode levar ao pecado. O embaraço torna o seguir a Cristo mais cansativo e desgastante. Como fazer então?

 1) Identifique os “embaraços” em sua vida.
         Temos a tendência a achar que os embaraços de nossa vida são culpa de outros, isso é um erro. Os embaraços em sua vida são seus, você os mantém ou os abandona.
         Alguns exemplos de embaraço: hábitos; maneiras de pensar; sentimentos como orgulho, rejeição, medo, insegurança, desconfiança; religiosidade sem fruto, etc.

 2) Deixe os embaraços. Aja.
        Muitos até identificam os embaraços, mas não os deixam. O nome já diz, se você não se livrar dele irá embaraçar-se, enrolar-se.

        Embaraços são o motivo principal para muitas pessoas deixarem a vida cristã.
        Se identificar um embaraço não adie comece hoje a agir para deixá-lo.

 3) Persevere na vontade de Deus. Não crie novos embaraços.
         Os discípulos deixaram vários embaraços para seguir a Jesus, mas começaram a criar embaraços para outros (Lc.18:16). Não crie novos embaraços nem para você, nem para os outros.

         É fácil trocar velhos embaraços por novos. Deixe os embaraços e persevere na vontade de Deus.

 Conclusão: Deus, através do sacrifício de Jesus, derrubou várias barreiras para que você pudesse ir até Ele e ter vida. Começamos a nos achegar a Deus mas permitimos que os embaraços nos afastem Dele novamente.
         Não permita isso. Você quer a Deus? Quer a vida? Quer deixar os embaraços e não criar novos? Quer perseverar buscando a Deus e aproximando-se Dele? Vamos orar.